Foi entre algumas pingas de chuva, uma grande ventania e em português que Os Azeitonas e Carminho animaram aquela que foi a primeira noite de festa da Semana Académica de Lisboa, no Terraplano de Santos.

A Estudantina Universitária de Lisboa inaugurou o palco Moche e abriu caminho para atuação da jovem fadista Carminho. Esta foi a primeira vez da fadista na Semana Académica de Lisboa, tendo partilhado com muitos universitários presentes o quanto para si era importante participar nesta semana académica, principalmente por também ter sido em Lisboa que estudou. Com a sua sempre delicadeza e presença em palco, Carminho conseguiu em dia de festa académica juntar os jovens em torno de si e fazer “silêncio, porque se vai cantar o fado“.

Ouviram-se temas já famosos do seu último álbum Alma, como As Pedras da Minha Rua ou Bom Dia Amor, e ainda alguns êxitos do seu anterior trabalho. Com o som da guitarra portuguesa, viola e ainda, especialmente para o público da SAL, segundo a própria Carminho, a percussão, a jovem fadista iniciou uma semana de tradições académicas com o tradicional fado português.

Depois de cerca de 50 minutos de fado, seguiu-se Os Azeitonas, o momento alto da noite. Entre Quem és tu miúda?,  Já não te sinto em mim e Café Hollywood, o grupo de amigos que se uniu por amor à música fez unir numa só voz o Terraplano de Santos. Anda Comigo ver os Aviões foi, para Marlon e Miguel Araújo, membros da banda, a música em que as pessoas mais vibraram, o que vem de encontro às cerca de 2 milhões de partilhas do vídeo da música no Youtube.

Esta foi a primeira vez d‘Os Azeitonas na Semana Académica de Lisboa, que não deixaram de manifestar a sua satisfação em participarem nas diversas semanas académicas de todo o país. As diversas atuações nas semanas académicas vêm confirmar a aposta para este ano da banda: “este é um ano que decidimos não gravar. É um ano de atuações ao vivo“.

Para o final da primeira noite de festa académica na cidade de Lisboa, quem ocupou o palco Moche foi o DJ Ride. O dj deu música aos milhares de pessoas, no Terraplano de Santos até às 2 horas da noite.

Um inicio em português que fica a prometer a continuação de bons espetáculos até ao final da semana. Hoje é dia de Quim Barreiros e Veganboys.

por Catarina Moura e Jacinta Oliveira