Thomas Marth, saxofonista que acompanhou os The Killers em palco e em estúdio, foi encontrado morto na passada segunda-feira, num hotel em Las Vegas, com um tiro na cabeça. O relatório policial aponta para suicídio.

O músico, de 33 anos, participou na gravação dos álbuns Sam’s Town (2006) e Day & Age (2008) e nas tournées de 2008 e 2009 dos The Killers. A banda expressou o seu pesar numa nota no site oficial: «Esta noite, há uma luz que se apagou em Las Vegas. Boa viagem, Tommy».

A primeira e única vez que The Killers atuaram em Portugal foi em 2009, no festival Super Bock Super Rock, no Estádio do Restelo.