OWN, canal de Oprah Winfrey na televisão por cabo norte-americana, não tem estado à altura das expectativas da apresentadora de televisão e já foi obrigado a uma primeira reestruturação, marcada pelo despedimento de 30 funcionários no início desta semana.

A estação televisiva, uma sociedade da apresentadora com a Discovery Communications, está no ar há quinze meses e não tem alcançado até agora grandes audiências. Numa nota enviada à imprensa, Oprah admite que “a economia da uma nova televisão por cabo não conseguiria funcionar com a estrutura de custos até agora em vigor“, defendendo que como diretora executiva tem “a responsabilidade de delinear a rota para o sucesso da estação a longo prazo“.

Nas lista de demitidos encontra-se a apresentadora Rosie O’ Donnell, que após cinco meses de exibição, acabou por ver o seu talk-show cancelado. No entanto, Oprah Winfrey acabou por se revelar uma patroa generosa, tendo explicado a todos os funcionários a difícil situação financeira da OWN, e contribuído com indemnizações acima dos valores habituais para todos aqueles que viram extintos os seus postos de trabalho. Além disto, os funcionários agora despedidos terão a ajuda de especialistas na procura por um novo emprego.

Segundo a Bloomberg, a Oprah Winfrey Network poderá perder este ano quase 110 milhões de euros.