Baseado no livro The Singular Life of Albert Nobbs, Albert Nobbs é uma história inovadora, uma aparente lufada de ar fresco nas narrativas das salas de cinema. Contudo, a meio do filme acabamos por compreender que o ar fresco se tornou em ventania, e tudo se perde no meio do alvoroço.

Na sociedade preconceituosa da Irlanda do séc. XIX, Albert Nobbs (Gleen Close) é uma mulher que se vê obrigada a passar por homem para conseguir arranjar trabalho.  Introvertido, discreto e extremamente dedicado à sua profissão no hotel que serve, Nobbs sonha conseguir um dia montar um pequeno negócio seu.

Contudo, aquando a chegada de Hubert Page (Janet McTeer), uma empreiteira que, tal como Albert, se faz passar por homem, a sua vida, até então tão pacata, sofre uma reviravolta. Espirituoso e irreverente, Hubert Page torna-se mais do que um amigo com o qual Albert pode partilhar um segredo que guarda para si há mais de 30 anos: mais do que isso, Page é o exemplo de alguém que aparentemente esqueceu o seu passado enquanto mulher, tendo casado com uma mulher e constituído família. Agora, Albert Nobbs vai procurar aproximar-se de uma jovem empregada (Mia Wasikowska), e tentar encontrar o amor nos braços de outra mulher.

Albert Nobbs é um filme que parte com uma premissa inovadora e irreverente, mas que a meio do caminho acaba por tropeçar na sua própria história. Deixando por revelar alguns elementos cruciais para a credibilização da história, como é o caso do relacionamento de Hubert Page e a sua esposa, e adicionando outros que contribuem para tornar ainda mais incompreensível a narrativa, Albert Nobbs torna-se num enredo sem rumo.

E enquanto vagueamos à deriva pela história, incapazes de abandonar o barco devido à prestação do elenco que nos seduz e encanta com a sua prestação, acabamos por chocar violentamente contra um iceberg quando o filme chega ao seu final. E enquanto vemos a água a invadir a embarcação, e a nossa sanidade a afundar-se em plano alto mar, a única coisa que nos resta é assistir incrédulos às últimas cenas, até que a entrada dos créditos nos remetam novamente para a realidade.

5/10

Ficha Técnica:

Título original: Albert Nobbs

Realizado por:  Rodrigo García

Escrito por: Glenn Close, John Banville, George Moore, Gabriella Prekop, István Szabó

Elenco: Glenn Close, Antonia Campbell-Hughes, Mia Wasikowska, Pauline Collins, Mark Williams

Género: Drama

Duração: 113 minutos