I Will Always Love You, tema consagrado na voz de Whitney Houston, foi gravado originalmente por Dolly Parton, em 1974. Com a morte da rainha Whitney, a cantora country vê a carteira cada vez mais recheada.
11 de fevereiro de 2012 foi tragicamente marcado pelo adeus à cantora norte-americana. Nos dias de luto que se seguiram, as pessoas trauteavam as músicas pelas ruas e as rádios mantiveram a voz de Whitney viva. Conhecido pelo seu maior êxito, I Will Always Love You tocou em inúmeras estações de rádio e regressou aos tops de vendas instantaneamente. Por ser a autora e original intérprete do tema, Dolly Parton tem embolsado milhões de dólares com o desaparecimento da artista mais premiada de todos os tempos, segundo o Guiness World Records.

Apesar de ter sido um sucesso country na voz de Parton, foi na interpretação de Whitney Houston, no filme O Guarda-Costas, em 1992, que a música se tornou mítica. A compositora de Jolene, emocionada com o falecimento da “Voz”, confessa ainda: «O meu é apenas um dos milhões de corações partidos pela morte de Whitney Houston. Vou ficar para sempre agradecida e admirá-la-ei sempre pela performance fabulosa que ela fez da minha canção e posso verdadeiramente dizer, do fundo do meu coração: “Whitney, vou amar-te para sempre. Vais fazer muita falta”».

Recorde aqui as duas versões da canção:

httpv://www.youtube.com/watch?v=gS-F4rfU4ns

httpv://www.youtube.com/watch?v=3JWTaaS7LdU