As quinta-feiras do mês de fevereiro da RTP2 terão documentários nacionais para oferecer os seus telespectadores.  São quatro documentários de realizadores  portugueses acerca de nomes grandes da nossa cultura. Os documentários serão emitidos todas as quintas por volta das 23h30.

O primeiro documentário a estrear na RTP2 é Orlando Ribeiro, Itinerâncias de um Geógrafo. No próximo dia dois de fevereiro, esta produção vem assinalar o centenário do nascimento de Orlando Ribeiro (1911-1997). Orlando Ribeiro foi um geógrafo português detentor de uma obra incontornável a nível universal. O documentário de Manuel Gomes e António Saraiva é narrado por  excertos de textos do próprio e apoiados pelos depoimentos de personalidades com as quais se encontrou ao longo da sua vida.

Na segunda quinta-feira do mês, é a vez de homenagear Maria de Lourdes Pintassilgo. Este é um documentário de Graça Castanheira, que pretende retratar as convicções e o percurso desta que foi a única mulher que conseguiu ocupar o cargo de Primeiro-Ministro em Portugal.

Alves Redol, Memórias e Testemunhos chega no dia 16 de fevereiro. Alves Redol é um dos nomes mais influentes do neorrealismo português e, no passado dia 29 de dezembro, celebrou-se o centenário do nascimento deste escritor natural de Vila Franca de Xira. Através de diversos depoimentos, o documentário pretende mostrar as aspetos mais desconhecidos da vida do intelectual.

No quinta-feira, dia 23 de fevereiro, estreia o documentário sobre Nuno Teotónio Pereira e realizado por Joana Cunha Ferreira. Nuno Teotónio Pereira é conhecido essencialmente como arquiteto, mas muitas são as suas facetas desconhecidas. Este documentário pretende apenas ser uma iniciação à vida e obra desta personalidade portuguesa.