A banda britânica Iron Maiden edita, a 26 de Março, En Vivo!, um registo gravado no Chile em Abril do ano transacto. 

O concerto que agora origina esta edição ocorreu no Estadio Nacional, em Santiago do Chile, perante cerca de 50 mil espectadores. Parte integrante da digressão For the Final Frontier, o espectáculo será igualmente disponibilizado em versão áudio. Além destas duas componentes, um terceiro elemento aguça as expectativas dos fãs da banda de Bruce Dickinson: o DVD duplo inclui ainda um documentário de 88 minutos, intitulado Behind the Beast.

Num espectáculo marcado pelo revisitar de grandes êxitos do grupo, esta data serviu ainda para celebrar o 36º aniversário do conjunto, que goza de um enorme prestígio nas lides do heavy metal.

Formados em 1975, os Iron Maiden afiguram-se como uma das principais bandas do movimento New Wave of British Heavy Metal (NWOBHM), surgido no final da década de 1970. Logo após deixar os Smiler, Steve Harris pensou que seria a melhor altura para encetar um projecto próprio, dando assim início aos Maiden, que cedo haveriam de se afirmar como um grupo de relevo na cena heavy internacional. Com uma sonoridade apocalíptica, carregada de poderosos riffs e sincopadas linhas de baixo, é notória a mescla entre o peso característico do heavy metal e um instrumental galopante e extremamente veloz herdado do punk rock.

As letras do grupo, contrariando a tendência geral do heavy metal, debruçam-se sobre temas literários e históricos. Denotando a influência do baixista Steve Harris, um estudioso da História Egípcia, e do vocalista Bruce Dickinson, formado em História, esta faceta é comprovada por músicas como Flight of Icarus, escrita a partir do mito de Ícaro, ou Powerslave, baseada em informações sobre os Faraós.

Catapultados por álbuns como The Number of The Beast (1982), Powerslave (1984) ou Fear of The Dark (1992), os Iron Maiden são, sem dúvida, uma das maiores bandas de heavy metal de todos os tempos, contribuindo decisivamente para a divulgação deste estilo musical e conservando, ainda hoje, um incomensurável leque de seguidores.

 

httpv://www.youtube.com/watch?v=n7yEp-QNB4Y