O documentário do português Miguel Gonçalves Mendes, José & Pilar, já não está na corrida para os Óscares da Academia, apesar do anúncio oficial da candidatura ter sido apresentado em meados de novembro, pelo Instituto de Cinema e Audiovisual.

José & Pilar retrata a relação de José Saramago com a sua mulher Pilar del Rio. Foi um dos filmes mais aclamados pela crítica mundial, tendo sido visto por mais de 22 mil espectadores. Mas não está na lista dos nomeados para o Melhor Filme em Língua Estrangeira, segundo anunciou a Academia. A lista inclui Bullhead, da Bélgica, Monsier Lazhar, do Canadá, Omar Killed Me, de Marrocos, Warriors of the Rainbow: Seediq Bale, de Taiwan, Uma Separação, do Irão, Superclasico, da Dinamarca, Foonote, de Israel e ainda In Darkness da Polónia.

Os nomeados serão conhecidos na próxima terça-feira, dia 24, e o vencedor revelado na cerimónia de 26 de fevereiro.