Lúcia Moniz e Pedro Laginha são os protagonistas do segundo telefilme que a Plural está a produzir para RTP1, Incógnito

A história, cujas gravações ocorreram nas duas últimas semanas no Campus de Justiça, em Lisboa, incide na questão das crianças cuja identidade do pai é desconhecida.

Lúcia Moniz interpreta, nesta longa-metragem, uma procuradora-adjunta, de nome Lúcia, que está encarregue de averiguar a paternidade de crianças registadas sem nome do pai. Neste, que é o papel principal do enredo, a personagem é também uma mulher sem pai.

A atriz e cantora assumiu-se «muito feliz por interpretar esta Lúcia», num telefilme onde contracenará não só com Pedro Laginha, mas também com Adelaide Ferreira.

Laginha, responsável por outro dos papéis principais, também se mostrou bastante feliz pela oportunidade de fazer esta produção, porém, em declarações ao Correio da Manhã, lamentou não ter «um bocadinho mais de tempo para fazer as coisas».