O talk show de sucesso da RTP2 regressa no primeiro trimestre do próximo ano, mas desta vez na RTP1. Fica por saber se há alterações no grupo de apresentadores.

A hipótese de mudança para o primeiro canal já tinha chegado à comunicação social no início do mês. Nessa altura, Luís Filipe Borges afirmava: “Isso seria uma coisa maravilhosa. Quem me dera que acontecesse…“. Também Carla Vasconcelos era da mesma opinião ressalvando que “Na RTP2 tinhamos a vantagem de ter bolinha vermelha a partir da meia noite.” De opinião totalmente contrária era o apresentador Pedro Fernandes que considerava, à época, que o programa tem sentido na RTP2, “onde nasceu e cresceu”.

Pela mesma altura, Nilton lembrava que este era, desde sempre, um programa de baixo orçamento. “No dia em que era eu a fazer o programa, 99% do conteúdo era feito por mim. Fazia as reportagens de rua com a minha câmara de filmar, editava no meu computador em casa e depois ia entregar à produtora.” Fica também por saber se os recursos do programa vão aumentar ou manter-se com esta mudança.

O programa que já se tornou de culto e que colecciona fãs nas redes sociais regressa para a sua sexta temporada. Na última, Luísa Barbosa, Carla Vasconcelos, Luís Filipe Borges, Nilton e Pedro Fernandes estiveram à frente das câmaras, mas a RTP ainda não anunciou se continuam.

O late night da RTP1 fica agora preenchido com 5 Para a Meia Noite, um programa presente também na rádio (Antena 3) e na Internet, com quase 300 emissões e por onde também já passaram Fernando Alvim, Filomena Cautela.