A biografia cinematográfica de António Variações vai avançar em 2012. O filme chamar-se-á Variações e será um musical que retratará a vida do cantor, desde a altura em que ainda não era famoso até aos dias que procedem a sua morte. A realização fica a cargo de João Maia, assim como o argumento.

Após a conclusão do processo judicial que envolvia a Utopia Filmes e João Maia, foi dada luz verde para que arranquem em 2012 as rodagens da película. O realizador e argumentista afirmou que este será um musical realista, dizendo que “os elementos da sua vida estão lá, mas nem tudo o que parece se passou de facto”. As músicas de António Variações vão ser enquadradas na ação desta ‘biografia ficcionada’.

Quanto à questão da homossexualidade, é à revista TimeOut que João Maia se pronuncia dizendo que “quero mostrá-lo como um fenómeno popular e metáfora daquela época”, pelo que a homossexualidade não será tema central, acrescentando que para si “a morte dele anuncia o fim da festa dos anos 80 em Portugal”. João Maia adianta também que o final será “15 dias antes da morte, com ele numa casa de banho de hospital, ainda a cantar canções para um gravador”. Na mesma entrevista diz que trará novidades em 2012, afirmando que irá “concorrer a um subsídio do ICA, Instituto do Cinema e do Audiovisual, embora nesta conjuntura de crise não saiba sequer se vai haver concurso”.

Caberá a Sérgio Praia, ator de 34 anos, interpretar António Variações e as canções que fizeram parte da sua vida, depois de um processo judicial que durou dois anos.