O realizador português Manoel de Oliveira faz hoje 103 anos e tem um novo filme pronto.

O Gebo e a Sombra (Gebo et l’ombre), o novo filme do cineasta, baseado num conto de Raul Brandão, foi rodado em Paris e relata a vida de injustiças de um pai sacrificado. No elenco encontram-se nomes como Michael Lonsdale, Jeanne MoreauClaudia Cardinale, e os portugueses Ricardo Trêpa e Leonor Silveira. O Gebo e a Sombra deverá estrear no próximo festival de Cannes. A última longa-metragem do realizador, O Estranho Caso de Angélica, data de 2010, e, este ano, a curta Painéis de São Vicente – Visão Poética marcou presença no Curtas de Vila do Conde. Em fase de pré-produção está já mais um filme, A Igreja do Diabo.

Manoel de Oliveira naceu a 11 de Dezembro de 1908, no Porto e conta já com 80 anos de carreira. O cineasta recebeu no passado mês o doutoramento honoris causa da Universidade Portucalense e viu ser criada uma cátedra em seu nome: a Cátedra Manoel de Oliveira de Cultura e Criatividade.

Inês Moreira Santos