Sem Título

A visão deturpada da guerra

Os Olhos da Guerra leva-nos ao obscuro mundo do stress pós-traumático, onde, na segurança do seu lar, um fotojornalista terá que se libertar dos fantasmas da guerra que persistem em atormentá-lo… e explicar à sua mulher o porquê de regressar sozinho do Curdistão.

Mark (Colin Farrell) é um repórter de guerra que parte para mais um conflito armado juntamente com o seu amigo David (Jamie Sives). Com o tempo, Mark tornou-se apático à realidade violenta que o envolve nos seus trabalhos jornalísticos, ao contrário do seu amigo que é sensível ao derramamento de sangue. Os dois colegas acabam por se separar, e Mark mergulha cada vez mais fundo no conflito, acabando por ser gravemente ferido num ataque.

De regresso à Europa, e para a sua esposa Elena (Paz Vega), Mark é um homem mudado, incapaz de deixar os seus medicamentos anti-depressivos, e de reviver as imagens de um conflito que quase lhe tirou a vida. O avô de Elena, Joaquin (Christopher Lee), com a sua experiência em traumas de combate, é chamado para ajudar Mark. Mas há medida que tenta trazer Mark de volta à sanidade, vai-se apercebendo que este esconde um segredo obscuro, enterrado nos recônditos da sua mente.

Colin Farrell dá, mais uma vez, provas da sua maturidade enquanto actor, apresentando uma actuação poderosa e realista. O mesmo podemos dizer de Paz Vega, uma actriz espanhola que encarna na perfeição o papel da esposa carinhosa que tenta encontrar a melhor forma de ajudar Mark.

Os Olhos da Guerra é um filme intenso que mergulha o espectador no horror da guerra, no drama da culpa e nas teias de uma psique destruída pelas marcas do conflito. Um filme com um enorme potencial, que sofre contudo da ansiedade de quem acaba por apressar as coisas. Com uma maior manutenção do suspense, o filme sairia claramente sairia a ganhar.

6/10

Ficha Técnica

Título original: Triage

Realizado por: Danis Tanovic

Escrito por: Danis Tanovic

Elenco: Colin Farrell, Paz Vega, Christopher Lee, Jamie Sives

Género: Guerra, Drama

Duração: 99 minutos

Mais Artigos
space force
‘Space Force’ é uma comédia inteligente que aponta uma realidade absurda