quimcnoticiasnet

Quim, o rei da Música Popular na Latada

Foi no penúltimo dia da Festa das Latas e Imposição das Insígnias, dia de cortejo, que Quim Barreiros se apresentou em palco para animar a “malta”.

Baile e Pimba foi o que se ouviu no penúltimo dia de Latada no recinto. No final do dia de cortejo, os universitários de Coimbra reuniram uma última força para se dirigirem ao recinto e assistir ao tão tradicional Quim Barreiros.

Antes do rei do baile chegar, vieram a Banda Fax. Um bailinho fez arrastar centenas e centenas de pessoas e com frio, ninguém ficou, depois de muita dança em modo de descontracção. Uma pequena homenagem aos “motherfuck*rs Guns n’ Roses”, também tomou lugar nessa noite sem nunca quebrar o ritmo de uma noite de música popular.

A noite popular ainda não ia a meio quando Quim Barreiros subiu ao palco. Agora sim, o momento mais esperado. “Bem-vindos a Coimbra!” Foi assim que Quim, o rei das festas académicas, se dirigiu ao público. O Melhor Dia Pra Casar tomou logo conta dos caloiros, doutores, veteranos e os demais que, ao rubro, juntaram-se para mostrar que estavam ali para se divertir. A Cabritinha, Quero Cheirar Teu Bacalhau e O Brioche da Sofia também chegaram sempre com uma palavrinhas do próprio Mestre da Culinária pelo meio.

“Coimbra é nossa, Coimbra é nossa, Coimbra é nossa e há de ser, Coimbra é nossa até morrer” ; “E salta malta e salta malta, olé, olé!”, foram muitos dos gritos proferidos do mestre, ao longo de mais de 90 minutos de espectáculo. Para animar o público e fazer-lo cantar e dançar com ele, Quim sempre foi o melhor. Foi um dia não tão cheio como o dos Kaiser Chiefs mas bem perto, com um público maioritariamente de preto, esta noite provou não ser para fracos.

Perto das três da manhã, despede-se assim o rei da música popular portuguesa: “Malta, o meu muito obrigado. Foi um prazer estar convosco e até à Queima, se Deus Quiser”. 

Texto: Vanessa Sofia
Fotografia: festadaslatas11acabra.wordpress.com + cnoticias.net

Mais Artigos
Got Talent Portugal
‘Got Talent Portugal’ regressa à RTP1 com Sílvia Alberto