Nova imagem (118)

Os grandes mestres na Gulbenkian

A Fundação Calouste Gulbenkian reuniu em exposição os grandes nomes da pintura europeia do século XIX à primeira metade do século XX para A perspectiva das coisas – A Natureza-morta na Europa.

A exposição representa a segunda parte de um trabalho iniciado em 2010 sobre a natureza-morta na Europa. Desta feita, a fundação dá espaço ao Realismo, Impressionismo e Pós-impressionismo por Monet, Cézanne, Van Gogh e Gauguin e às suas obras chave para a compreensão da natureza-morta à época. Há ainda obras de Picasso, Matisse, Braque, Dali e Magritte.

O objectivo é demonstrar como a natureza-morta foi um veículo de experimentação para vários grandes pintores modernos e como trouxe ainda a possibilidade de reflexão social e desenvolvimento de novas realidades subjectivas. Esta mudança na forma de representar a natureza-morta fica agregada numa exposição comissariada por Neil Cox, professor da Universidade de Essex, especialista em pintura francesa do século XX.

De 21 de Outubro a 8 de Janeiro, por 5 euros, a exposição fica disponível na sede da Fundação Calouste Gulbenkian.

httpv://www.youtube.com/watch?v=2jZP1hMtNYs&feature=player_embedded

Zeen is a next generation WordPress theme. It’s powerful, beautifully designed and comes with everything you need to engage your visitors and increase conversions.

Mais Artigos
Audiências. TVI tem melhor dia do ano com segundo jogo de Portugal