Está a chegar ao canal de Carnaxide Pan Am, uma série internacional que retrata o dia-a-dia de uma das mais importantes transportadoras aéreas, na década de 1960. A estreia acontece em breve mas o horário ainda não está definido. A série que estreou nos EUA em Setembro é da ABC e contará um pouco da história da Pan American World Airways, a principal companhia áerea dos EUA nos anos 60.

A trama passa-se nesta época, quando viajar de avião era considerado um luxo, o que transformava os funcionários da empresa em pessoas bastante invejadas. Os pilotos eram vistos como heróis e a típica mulher americana lutava pela sua emancipação definitiva.

Ao estilo de Mad Men e The Playboy Club, a série Pan Am tem como objectivo fazer uma reconstituição histórica daqueles tempos nos Estados Unidos. Criada por Jack Orman como uma espécie de Sex and the City de época, a série tem como pano de fundo a vida de quatro hospedeiras de bordo e a sua relação com a empresa aérea.

Maggie é uma rapariga que leva uma vida boémia, até à altura em que se transforma numa profissional responsável. Começa a trabalhar como hospedeira de bordo e tenta equilibrar a sua vontade de viver e as suas ambições indefinidas. Já Colette é o elemento mais cuidadoso e protector do grupo. Gosta de viajar e tem uma indesejável tendência por homens comprometidos.

Também Kate faz parte desta equipa. Espirituosa, é aquela que se dá bem com todos os colegas de serviço. A sua irmã, Laura, também trabalha com ela e é considerada a ‘Rainha da Beleza’. Uma noiva em fuga que trocou uma vida de tédio doméstico pelos céus.

httpv://www.youtube.com/watch?v=htIKZRM9smU

A equipa fica completa com os dois homens que controlam as viagens de avião. Dean é o piloto arrogante e carismático, o primeiro que não foi treinado na guerra. Vem de uma cidade rural e pequena, e entrou numa posição de liderança na Pan Am muito cedo, mas não vê a hora de provar que pode ser  o novo rosto da companhia aérea. Ted é o seu co-piloto e vem de uma família rica e privilegiada, que não é tão boa quanto parece. Tem os seus próprios segredos obscuros.

A série é produzida por Jack Orman (ER), Tommy Schlamme (The West Wing) e Nancy Hult Gains. Nos EUA tem apresentado resultados bastante satisfatórios, no que às audiências diz respeito. Com 13 episódios programados para esta temporada de arranque, a série atingiu os 11 milhões de espectadores na estreia, passando para os 7 na segunda semana. A queda foi significativa, mas não a coloca em risco de cancelamento. Resta esperar para saber o dia em que a série será exibida na SIC, mas tudo indica que irá para os Domingos à tarde ou ao final da noite.