O Cultura, Precisa-se? está a realizar um passatempo dedicado a todos os seus leitores, fãs e seguidores. Se quer ganhar um bilhete duplo para ir ver a peça Que cavalos são aqueles que fazem sombra no mar de António Lobo Antunes que irá inaugurar a temporada no São Luiz Teatro Municipal no dia 15 de Setembro, junte-se a nós e saiba aqui como participar!

Sinopse

Por detrás da história das últimas décadas portuguesas, por detrás da história das transformações sociais e económicas profundas que o país atravessou (atravessa), há pessoas concretas. Há famílias que são como pequenas sociedades, cuja explosão interna liberta vozes que poderiam ser as nossas. Neste seu regresso a Lisboa, Maria de Medeiros (em pas de deux, ou talvez trois, com Gonçalo Távora Correia, cavaleiro de equitação à portuguesa, e Vulcão, o cavalo) conduz-nos através da sua leitura pessoal de um monumento literário suspenso de alguém que, inevitavelmente, “vai morrer às seis horas”.

“Cada um dos membros [de uma família do Ribatejo] – o cínico, a drogada, o homossexual e até a velha criada, Mercília, sem contar com os mortos e com os que estão a morrer – libertam a sua voz numa tragédia cujo ritual evoca quer a ópera (onde se morre a cantar) quer uma arena (onde se morre entre ‘vivas’). O título, inspirado numa velha canção de Natal, recorda que, sob o domínio outrora próspero da família Marques, os cavalos viviam em liberdade… Enquanto agora apenas se ouve a litania: “Como esta casa deve ser triste às três horas da tarde”. Brigitte Paulino Neto In programa da estreia

Ficha Artística

Adaptação, Encenação e Vídeo: Maria de Medeiros

Desenho de Luz : Philippe Welt

Interpretação : Maria de Medeiros, Gonçalo Távora Correia e Vulcão, o cavalo

Produção MC93 – Maison de la culture de la Seine-Saint-Denis

Como participar no passatempo?

Para participar neste concurso deverá:

  1. Escolher uma foto de uma das suas férias que goste particularmente;
  2. Criar um texto, em prosa ou em verso, no máximo com 5 linhas, alusivo à imagem que escolheu, contando uma história que descreva aquele momento. O texto deverá ser criativo, da autoria do próprio e não deve ser um relato daquilo que foi o motivo da foto mas sim algo novo e original.
  3. De seguida, deverá postar essa Foto e o respectivo texto no Mural do Cultura, Precisa-se? no Facebook.

A melhor foto/imagem será escolhida.

O Passatempo irá decorrer até ao dia 13 de Setembro, inclusive, sendo o vencedor anunciado no dia 14. Para mais informações contactar através do [email protected]

Deixe a sua imaginação voar e vá ao teatro connosco!