A Apple perdeu, em Julho, mais um protótipo do iPhone num bar de São Francisco. A revelação foi feita pelo site CNET, que avança que a companhia entrou de imediato em contacto com as autoridades para reaver o aparelho, que foi localizado numa casa na zona sul de São Francisco.

A polícia interrogou o dono da casa, que admitiu ter estado no bar na noite em questão, mas negou ter conhecimento do telefone perdido. O jovem autorizou a polícia a revistar a casa, busca que se revelou infrutífera. A Apple ofereceu-lhe dinheiro, mas o jovem continua a negar saber do telemóvel.

O telefone acabou por ser vendido no Craigslist, site de vendas online, por cerca de 200 dólares (cerca de 140 euros), um valor muito abaixo dos 5.000 dólares (perto de 3.200 euros) que o blog de tecnologia Gizmodo pagou o ano passado pelo protótipo do iPhone 4.

A Apple, a Craigslist e a polícia de São Francisco não comentam o caso. O dono do bar revelou que recebeu várias chamadas por causa de um telemóvel perdido, mas não foi contactado directamente pela Apple ou pela polícia.

Esta é a segunda vez que a Apple perde um telemóvel depois de, no ano passado, o Gizmodo ter revelado fotografias do novo iPhone 4. O aparelho tinha sido perdido por um engenheiro da Apple, Robert Powell, num bar da Califórnia e encontrado por Brian Hogan, que o vendeu ao blog de tecnologia por 5.000 dólares (3.200 euros). A Apple levou o caso a tribunal, que culminou na busca à casa do editor da Gizmodo, Jason Chen, e à apreensão de vários computadores.

Não é certo que se trate do novo iPhone 5, que deverá ser dado a conhecer em Setembro e ser posto à venda em Outubro.