Neste Cultura, Precisa-se? de quarta-feira, faremos uma curta viagem pelos museus nacionais de modo a mostrar-lhe as mais interessantes exposições neles patentes até ao final do Verão. Se já se aborreceu do sol, da praia e dos chapéus-de-sol a voar, junte-se a nós na frescura e serenidade dos museus para neles poder respirar cultura nesta penúltima quarta-feira de Agosto.

Para quem acha que a ida a museus é uma coisa muito complicada, então desengane-se. Os museus são portas abertas para todos e é sua vontade que se quebrem os mitos de que o seu acesso é reservado a apenas alguns. Uma boa notícia: o número de visitantes a museus em Portugal aumentou no período entre Janeiro e Junho deste ano (relativamente a igual período do ano anterior). Pelo que sugerimos que a partir de hoje, passe a integrar estes números ajudando-os a crescer.

Por isso, em cinco minutos de leitura, fique a saber os museus que pode ainda visitar este Verão.

Para começar, são inúmeras as actividades para miúdos e graúdos proporcionadas pelos Museus em tempo de férias: em Guimarães, por exemplo, a partir do dia 5 a 9 de Setembro, no Museu Alberto Sampaio, o seu filho poderá fazer Workshops de Brincar em Coisas Sérias, trabalhando no barro, com as sombras, azulejo ou bijutaria. Um pouco mais a Norte, em Braga, no Museu D. Diogo de Sousa, ser-lhe-ão proporcionados Jogos de Romanos de Campo, Corridas no Circo Máximo ou podem ainda partir Em Busca do legionário de Bracara Augusta. No Museu da Cerâmica, nas Caldas da Rainha, jovens e seniores poderão fazer Jogos de Descoberta ou ainda (apenas os miúdos dos 6 aos 10 anos) dar uns belos Passeios de Verão pelo Museu.

Para si, como já aqui foi sugerido, tem as 5as à Noite no Museu, com diversas actividades: desde visitas encenadas a espectáculos de música erudita e popular, dança e teatro. Descubra aqui qual o Museu da sua cidade que está inserido no programa e veja o que lhe poderá este oferecer.

Mas há ainda muito mais! Não duvide de que a oferta é muita e variada podendo, por certo, encontrar Museus para todos os gostos e com grande interesse! Então repare: está patente, neste momento, no Museu Nacional do Chiado (Lisboa), a exposição Arte Portuguesa do Século XX (1910-1960) no âmbito das comemorações dos 100 anos do Museu. No Museu Nacional do Azulejo tem uma exposição de cerâmica, O tempo em (re)construção, pertencente ao CAM (Centro de Arte Moderna da Fundação Calouste Gulbenkian). Em Coimbra, no Museu Nacional Machado de Castro, encontrará a exposição de Manuel Jardim. Memória de um percurso inacabado. Por fim, no Palácio Nacional de Mafra, na Sacristia da sua Basílica, poderá ver a exposição Tesouros de Devoção – A Prata Grande e as Irmandades de Mafra, que reúne peças dos séculos XIV a XIX.

Cansado? Bem sabemos que lhe prometemos uma curta viagem, mas o entusiasmo apodera-se da alma quando podemos sentir o prazer da cultura! Permita que também a sua se deixe conquistar pelos museus nacionais e, uma dica do Cultura, Precisa-se?, não esquecer que aos domingos (geralmente de manhã) os bilhetes de entradas são gratuitos. É de aproveitar!

Quanto a nós, regressamos sábado, com mais sugestões que por certo farão do seu fim-de-semana um tempo bem mais interessante de se passar. Até lá, boa semana!