Termina hoje, dia 14, o ciclo iniciado no dia 5 – Jazz em Agosto – passado entre o Anfiteatro da Gulbenkian e o Teatro do Bairro. Ontem foi a vez de actuarem The Ex-Guitars meet Nilssen-Love /Vandermark Duo, uma das nossas sugestões na rubrica Cultura, precisa-se? para este fim de semana.

Na Gulbenkian, os bancos foram preenchidos lentamente, enquanto se aguardava o início do concerto. No palco, apenas uma bateria e iluminação que enaltecia a beleza natural do Anfiteatro.

Inseridos especificamente na secção O Outro Lado do Jazz,  este quarteto resulta da junção dos guitarristas holandeses Ex Terrie Ex e Andy Moor com o norte-americano Ken Vandermark e o norueguês Paal Nilssen-Love.

Veteranos do grupo rock/punk The Ex, Terrie Ex e Andy Moor misturam rock e jazz, resultando numa combinação pouco comum. A capacidade de improvisação é, na minha opinião, a sua principal característica e o que faz com que se destaquem. A certa altura, surge a dúvida se Terrie Ex estará a limpar o palco com a guitarra – não, são apenas momentos de total improvisação em que o guitarrista exprime o seu génio musical.

Aos dois guitarristas segue-se Ken Vandermark, usando o saxofone e o clarinete para conferir uma certa harmonia ao conjunto. Paal Nilssen-Love junta-se aos restantes músicos após várias colaborações com Vandermark, iniciadas já na década passada. O baterista vem imprimir a sua energia típica de um músico rock ao quarteto.

Durante cerca de 90 minutos, The Ex-Guitars meet Nilssen-Love /Vandermark Duo produziram música enérgica e cheia de ritmo, unindo dois universos à partida distintos: o jazz e o rock. A sua música é poderosa e caótica, dotada de uma extroversão que é transmitida para o público sem dificuldade. Os temas apresentados fazem parte do ábum Lean Left, editado em pela Smalltown Superjazz, em 2009 e 2010, após um concerto homónimo, em 2008, onde os artistas se juntaram pela primeira vez.

No final, a banda voltou para um encore após cinco minutos de descanso e uma cerveja, teimando em não abandonar o público, que também não os queria abandonar.

httpv://www.youtube.com/watch?v=9KSrPblj_HM