A parceria entre a Rede Globo e a SIC para a criação de uma produtora de ficção está em pleno andamento. De acordo com Guilherme Bokel, director artístico de co-produção internacional da Globo, a parte jurídica da parceria com o canal português «já está em processo de construção».

«O conhecimento da produção é algo que não podemos dispensar em momento nenhum», afirma Bokel que garante que a parceria vai englobar a SP, que produziu o sucesso da SIC Laços de Sangue e já se encontra a preparar a nova novela a estrear em horário nobre, Rosa Fogo: «O crescimento de ‘Laços de Sangue’ partiu da dedicação dos seus profissionais. Isso é conhecimento que a SP tem e que deve ser agregado, não a podemos dispensar», adianta.

Bokel declarou ao Correio da Manhã que os pormenores da parceria ainda estão a ser estudados, mas no final deste ano o processo já deve estar concluído. «Em termos empresariais o primeiro passo está dado», declara Luís Marques, director-geral da SIC. Luís confirma, ainda, que o projecto «envolve a Globo, mas ainda não do ponto de vista formal».

A vontade brasileira de integrar um projecto desta natureza é confirmada por Guilherme Bokel que, constata que para que a Globo consiga abrir uma produtora em Portugal, terá que trabalhar com os melhores mercados e esses encontram-se em terras lusas.