Dirty Dancing prepara-se para voltar às salas de cinema, desta vez, num remake pela mão de Kenny Ortega.

O filme de 1987 vai ter a sua versão actualizada e a rodagem será iniciada brevemente, segundo a produtora Lionsgate, que, apesar disso, não revela uma data para a estreia.

Para Kenny Ortega não se trata de uma estreia nem na realização, nem em relação ao filme original: já realizou sucessos de bilheteira como a saga Hight School Musical, ou o tributo a Michael Jackson, This is it e coreografou Dirty Dancing, o original, realizado por Emile Ardolino.

A sua relação com o filme é portanto próxima : “A oportunidade de dirigir Dirty Dancing é para mim como regressar a casa.” Acrescenta ainda que o falecido protagonista, Patrick Swayze, elevou bastante a fasquia pela forma como dançou na película dos anos 80.

A dança e a música são elementos essenciais na equação do sucesso deste filme e não parecem ser negligenciados nesta nova versão. O realizador diz que incluirá alguns dos êxitos que ficaram para sempre ligados ao filme, como (I Had) The Time of My Life. No entanto haverá uma banda sonora para lá dos clássicos, com novas composições.

Ainda por decidir estão os protagonistas. “Acredito que, para onde quer que se olhe, há provas de que o talento anda por aí. (…) Aguardo com expectativa o casting para os sucessores das estrelas do filme original, Jennifer Grey e Patrick Swayze”, diz o realizador.