A cidade de Guimarães vai ser filmada por cineastas nacionais e internacionais, entre os quais Manoel de Oliveira e Jean-Luc Goddard, numa iniciativa da Capital Europeia da Cultura. Os cineastas filmarão, até ao final de 2012, temas relacionados com a cidade e a sua riqueza.

Em comunicado, a organização afirma que, “no âmbito da Capital Europeia da Cultura, e até ao final de 2012, será produzida uma série de filmes que reflectirão a riqueza histórica e cultural da cidade de Guimarães, cruzando temas do passado com realidades do presente“.

Entre os realizadores confirmados, para além dos já referidos Manoel de Oliveira – actualmente o cineasta mais velho do mundo em actividade, completando este ano 103 anos – e Jean-Luc Goddard (de 80 anos), encontram-se ainda nomes como João Canijo, Margarida Gil, Aki Kaurismaki, Victor Erice, entre outros. O convite partiu da área de programação Cinema e Audiovisual da Guimarães 2012.

Com um orçamento de 2,3 milhões de euros, o programa de criação de obras cinematográficas tem o objectivo de “celebrar o cinema como matéria indissociável das memórias, mas também impulsionar o seu crescimento em Portugal“, de acordo com a organização. “O projecto contempla também a criação de uma Plataforma de Produção Audiovisual” de modo a tornar a cidade de Guimarães um centro de criação de cinema.

Já se conhece o projecto do primeiro filme de entre “mais de três dezenas de obras” previstas: trata-se de uma curta-metragem do português Rui Simões, focada nas festas tradicionais Gualterianas. Estas festas realizam-se desde 1906 em honra de São Gualter, padroeiro de Guimarães, e a equipa do cineasta documentará os acontecimentos da festa deste ano, que termina já na segunda-feira. As filmagens da curta já tiveram início e previsto está que seja exibida ao longo do próximo ano.