A SIC não liderou as audiências no mês de Julho, que foi ganho pelo Cabo, mas comemora os resultados do mês em que voltou a ganhar no prime-time numa nota de imprensa enviada para as redacções.

A razão da comemoração está no aumento de 1,3 pontos percentuais relativamente ao mês anterior – o único canal generalista a conseguir subir – a liderança nos targets comerciais AB C1 C2 15/54 e AB C1 C2 25/54 e ainda o triunfo em horário nobre. Estes resultados, em conjunto com os fortes números da final de Peso Pesado, estão a impulsionar as acções da Impresa na bolsa portuguesa, a subirem 1,89% para os 54 cêntimos.

A diferença para a TVI, líder entre os generalistas, foi também encurtada para 1%, com o prime-time a contribuir muito para este crescimento – a SIC subiu 5,5 pontos percentuais relativamente ao mesmo período de 2010, alcançando 27,7% de quota de mercado. Peso Pesado e Laços de Sangue deram os principais contributos para a vitória, que chegou aos 29,2% no target AB C1 C2 15/54.

Há mais de um ano que a SIC não ganhava em horário nobre:

Numa nota final, o gabinete de comunicação da estação de Carnaxide destaca ainda a liderança do Universo SIC perante os grupos RTP e TVI: SIC, SIC Notícias, SIC Radical, SIC Mulher, SIC K e SIC Especial chegam juntos a uma liderança de 27,7% de share.