The Love We Make é o título do documentário sobre a tragédia e o pós 11 de Setembro que Paul McCartney está a preparar para apresentar ao mundo nos 10 anos sobre o atentado em Nova Iorque. O documentário será exibido pela primeira vez em televisão no dia 10 de Setembro deste ano, no canal norte-americano Showtime.

O ex-beatle encontrava-se em Nova Iorque a 11 de Setembro de 2001, quando o avião em que seguia foi obrigado a aterrar devido aos ataques às Torres Gémeas. The Love We Make mostra a preparação de um espectáculo de solidariedade para com as vítimas o Concerto para a Cidade de Nova Iorque, seis semanas após a tragédia, que McCartney ajudou a organizar. Uma semana antes do concerto, andou também pelas ruas de uma cidade devastada a conversar com os nova-iorquinos.

Em comunicado, Paul McCartney declarou, relativamente ao concerto, que “foi uma honra ter sido capaz de ajudar Nova Iorque e a América naquela época. Havia um sentimento de medo no ar, que considerei poder amenizar com música. E o facto de tantas pessoas se terem juntado a nós fizeram daquela noite um acontecimento edificante para todos nós“.

Para além do espectáculo em si, os ensaios para o concerto serão também mostrados no documentário, incluindo cenas de bastidores com David Bowie, Mick Jagger, Steve Buscemi, Bill Clinton, Leonardo DiCaprio, Eric Clapton, Sheryl Crow, Harrison Ford, Billy Joel, Elton John, Keith Richards, Jay-Z, entre outros.

The Love We Make, gravado a preto e branco, conta com a realização de Albert Maysles e será então exibido um dia após o aniversário do 11 de Setembro, na Showtime. O título do documentário encontra-se ligado à canção The End, dos Beatles, editada em 1969, que afirma: “And in the end / The love you take / Is equal to the love you make“.