Sintra é a anfitriã, entre 24 de Junho e 10 de Julho, da 46ª edição do Festival de Sintra, que decorrerá em edifícios característicos da vila como as Quintas da Regaleira e da Piedade e os Palácios Nacionais de Sintra e de Queluz, tendo o Romantismo musical do século XIX como base da programação.

O festival junta-se às celebrações mundiais de duas efemérides: os duzentos anos do nascimento de Franz Liszt e o centenário da morte de Gustav Mahler, apresentando uma programação que terá as obras dos compositores como característica transversal, interpretadas por nomes amplamente conhecidos e por jovens revelações, nomeadamente os distinguidos na edição de 2010 do Concurso Internacional Vianna da Motta, Lilian Akopova (1º prémio) e Manuel Araújo (Prémio de Melhor Pianista Português).

Na programação dedicada a Liszt, destaca-se a Série Liszt, um conjunto de sete recitais sob a responsabilidade de Leslie Howard, um especialista na obra do compositor.

Quanto a Mahler, o público poderá contar com a presença do Octeto de Leipzig acompanhado pelo tenor Markus Petsch e pelo barítono Stephan Genz e ainda com o Quarteto Erlenbusch acompanhado com o pianista israelita Matan Porat, interpretando a escassa obra que o compositor deixou para piano. A Orquestra Sinfónica Portuguesa também prestará a sua homenagem a Mahler, interpretando a Sinfonia nº 1 Titã.

Organizado pela Câmara Municipal de Sintra e pela Sintra Quorum, o festival conta ainda, para além das actuações musicais, com conferências, sessões de cinema, peças de teatro e concertos para bebés, tendo sempre as obras dos compositores homenageados como inspiração. Toda a programação do 46º Festival de Sintra pode ser encontrada no site oficial, aqui.