2012 crianças iniciaram a contagem decrescente para que Guimarães seja Capital Europeia da Cultura. Depois de Porto 2001, a cidade-berço prepara-se para ser a rainha da cultura europeia, a partir de Janeiro de 2012.

As 2012 crianças vimaranenses juntaram-se para criar um logótipo humano de Guimarães, Capital Europeia da Cultura 2012 (CEC), iniciando a contagem decrescente para o início da efeméride. Na realidade, faltam menos de 200 dias para a chegada do dia 21 de Janeiro, data a partir da qual Portugal volta a ser o centro da cultura europeia. Para além do logótipo humano, foram ainda lançados 2012 pombos do alto do Castelo de Guimarães, ex-líbris da cidade-berço.

Todos os meses, até ao início da efeméride, serão promovidos acontecimentos emblemáticos, em preparação para 2012. Como Capital Europeia da Cultura, Guimarães prepara-se para se desenvolver, valorizando o seu património, mas também a sua população, pretendendo que esta se envolva nas comemorações e se dê a conhecer ao exterior.

Durante todo o ano de 2012, a música, o teatro, a dança e o cinema marcarão presença em Guimarães, projectando o melhor da cultura europeia para o mundo. A cidade-berço prepara-se para construir novos patrimónios, “de gentes para gentes, de Guimarães para a Europa”, abrindo aos europeus aquilo que as muralhas fecharam durante anos.

httpv://www.youtube.com/watch?v=_vwhWsvD7Lc

O site oficial de Guimarães 2012, disponível aqui, contém já diferentes informações sobre os principais eventos que acontecerão na cidade-berço, a partir de Janeiro. É ainda possível personalizar o logótipo e inscrever-se para ser voluntário, exercendo principalmente funções de apoio à realização de eventos e promoção dos mesmos.

Em 2012,  a cidade-berço partilhará o título de Capital Europeia da Cultura com Maribor (Eslovénia), sendo que ambas irão realçar a diversidade europeia, promovendo o cruzamento das cultura nacionais com as restantes culturas europeias. 2012 será um ano culturalmente forte, e certamente que o Espalha-Factos trará até ti os eventos mais relevantes, realizados no âmbito de Guimarães, Capital Europeia da Cultura.