José Eduardo Moniz, vice-presidente do grupo Ongoing, quer voltar a fazer história na televisão nacional, com a estreia de  um formato multiplataformas que permite aos espectadores controlarem o quotidiano dos concorrentes, dando-lhes ordens através do telemóvel, iPad ou redes sociais.

Segundo o jornal Correio da Manhã, o formato deverá começar o Verão, será produzido pela CBV e foi adquirido no MIP TV 2010 pela CTN, empresa da Ongoing. O programa será transmitido no Cabo e a holding está a negociar com a ZON o lançamento de um canal para a emissão, 24 horas por dia, do reality show.

uMan é um programa desenvolvido pelo grupo argentino Dori Media e já foi vendido para 23 países, onde se revelou um sucesso em termos audimétricos e publicitários. O conceito é simples: oito pessoas serão vigiadas por várias câmaras durante 21 dias, 24 horas por dia. As suas acções são controladas pelos espectadores, que decidem o que comer, vestir, quando dormem e com quem dormem. Os participantes serão excluídos à medida que o público perde o interesse neles.

Os tempos mudaram e há desafios que subsistem e se colocam a todos os operadores. Serão mais bem sucedidos os que tiverem inteligência para perceber que a realidade já não é a mesma e mostrarem coragem para assumir o risco de estratégias diferentes, mais consentâneas com um mercado que se foi transformando em função de novos hábitos de consumo” disse Moniz, recentemente, à referida publicação.