A cantora punk Poly Styrene morreu na noite desta segunda-feira, dia 25 de Abril, junto da sua mãe e irmã, vítima de cancro da mama.

A notícia foi confirmada pelo seu porta-voz na sua página de TwitterPodemos confirmar que a maravilhosa Poly Styrene, que foi uma verdadeira lutadora, ganhou a sua batalha esta segunda-feira à noite, tendo ido para um lugar mais alto”.

Em Fevereiro já se sabia que este ícone do punk, com o seu nome para sempre ligado à banda britânica X-Ray Spex, tinha descoberto o cancro já num estado avançado.

Para a história ficará não o seu verdadeiro nome, Marian Joan Elliott-Said, mas antes Poly, interprete de grandes êxitos como Oh Bondage up Yours. No entanto, a cantora revelou, em entrevista à BBC6 Music, aquando da promoção do seu álbum a solo, a vontade de não ficar para sempre associada a esta sua fase, embora o saiba inevitável, mas sim a “algo mais espiritual”.

Aos 53 anos, Poly Styrene deixa-nos com o seu último trabalho, lançado em Março, Generation Índigo.

httpv://www.youtube.com/watch?v=in1ACvq1GWQ