Depois de 59 álbuns gravados, 200 milhões de cópias vendidas, 2600 discos de ouro e de platina e quatro mil espetáculos em mais de quinhentas cidades de todo mundo, Júlio Iglésias, o músico latino de maior sucesso do nosso tempo, decidiu por fim à sua carreira.

A notícia foi avançada pela agência russa Ria Novosti, no passado dia 31 de março, sendo que a atual digressão Starry Night World Tour será a sua última, bem como os concertos em Moscovo, nos dias 1 e 2 de junho. A escolha para os últimos concertos da digressão e da carreira não terá sido aleatoria, visto que Iglésias admitiu, em entrevista, que a Russia chegou a constituir uma parte importante da sua vida.

Para nós portugueses, haverá ainda uma última oportunidade para ouvir ao vivo o cantor espanhol, nascido em Madrid e cuja carreira ainda passou pelo futebol. A sua digressão passará por Lisboa no dia 28 de maio, no Pavilhão Atlântico.