O G saiu para as lojas na passada segunda-feira, dia 28 de Março, e Os Golpes assinalaram a data com um showcase com casa cheia, na Fnac do Chiado, em Lisboa. O disco de edição limitada foi oferecido em dois concertos e está agora nas lojas com duas canções extra.

A banda que toca “folclore disfarçado de rock’n’roll” apresentou não somente temas do novo álbum, mas percorreu também canções do seu Cruz Vermelha Sobre Fundo Branco, de 2009, que agradaram aos fãs mais antigos. Tarde Livre Parte I, Tarde Livre Parte III, A Marcha dos Golpes ou Embarcadiço, foram alguns dos temas tocados, pertencentes ao primeiro álbum. De entre os novos, destaque para O Amor Separar-nos-á e Tenho Barcos, Tenho Remos (popularizada por Zeca Afonso). No encore não faltou, claro, Vá Lá Senhora, que, nos últimos tempos, tem dado grande visibilidade ao grupo, e ainda se regressou aos anos 80 com uma cover de Paixão, dos Heróis do Mar.

O showcase, maior do que o habitual nas Fnacs, durou cerca de uma hora para regalo das dezenas de pessoas de todas as idades que se juntaram no pequeno espaço e que não conseguiram resistir a dançar com Os Golpes.

Da editora Amor Fúria, Os Golpes são constituídos por Luís d’Os Golpes, Manuel Fúria dos Golpes, Pedro da Rosa dos Golpes e Nuno dos Golpes. A banda conta agora com o tema Vá Lá Senhora na banda sonora da nova novela da TVI Anjo Meu, e esteve recentemente no programa Uma Canção Para Ti da mesma estação, o que explica o grande número de crianças presentes no fim de tarde de segunda-feira. A grande adesão do público só pode fazer antever que o G vá ser um sucesso.

Inês Moreira Santos