Depois de The King’s Speech, o realizador Tom Hooper poderá estar pronto para voltar ao grande ecrã e pegar numa adaptação cinematográfica do musical Les Misérables, avança o site Deadline.

O cineasta premiado com o Óscar de melhor realizador pelo seu trabalho em The King’s Speech está alegadamente em negociações com a Universal Pictures para tomar conta da adaptação do musical da Broadway, baseado no romance de Victor Hugo. Apesar de ainda não serem tomados como certos os aspectos referentes a esta direcção, os rumores têm vindo a ganhar forma.

Cameron Mackintosh, produtor teatral britânico, que esteve em contacto com o musical na sua estreia em Londres, em 1985, está a trabalhar nesta adaptação de Les Misérables ao grande ecrã, juntamente com os produtores Tim Bevan e Eric Fellner (The Soloist), que têm trabalhado o guião com a intenção de que o filme comece as suas gravações no final deste ano, algures na Europa.

Les Misérables tem a sua história na Revolução Francesa e foca-se na condenação de Jean Valjean, preso por roubar um pedaço de pão, e na obstinação do inspector Javert em fazer com que o ex-presidiário volte às memórias do seu passado, depois de ter sido posto em liberdade. Para além da história, há que ter em conta muitos outros pormenores vigentes ao musical, como as baladas que ficaram bastante conhecidas – On my Own, I Dreamed A Dream – ou os cenários,  todos elementos que poderão dar força ao filme.

Apesar de contar apenas com três filmes ligados ao cinema no seu currículo (Red Dust, The Dammed United e The King’s Speech), o sucesso, trabalho e o recente Óscar de Tom Hooper parecem ter levado a Universal Pictures a considerar o realizador a escolha mais acertada para a produção desta obra audiovisual. Os números falam por si. Com um orçamento a rondar os 14 milhões de dólares, o filme The King’s Speech pode chegar aos 450 milhões de dólares de receita.

Já na adaptação de musicais para o grande ecrã, os estúdios da Universal Pictures também não deixam fugir o elemento de sucesso. Exemplo disso é o filme/musical de 2008 Mamma Mia!, que rendeu cerca de 609 milhões de dólares face a um orçamento de produção estimado em 52 milhões de dólares.