A Moda não é coisa de Homens” – aqui está mais um tabu desfeito que pode acrescentar à sua lista.

A prova é que os homens têm passado, cada vez mais, a encarar a moda como um hábito de cultivo pessoal, a par de tantos outros. E se os shopping são vistos como um habitat feminino, a verdade é que muitos homens estão a conquistar as superfícies comerciais, impondo a sua presença, gosto e atitude.

E quem tem procurado dar resposta a esta procura crescente por vestuário masculino é a própria indústria da moda, tanto a um nível mais elitista como mais comercial. Estilistas e lojas apostam na gama masculina chegando, por vezes, a dedicar-se somente a esta camada da população.

Longe vão os tempos em que encontrar um ‘trapinho que nos ficasse bem’ era quase tão difícil como acertar na chave da lotaria. Hoje a variedade de peças e de acessórios dirigida ao público masculino permite que este possa adoptar vários estilos durante o dia-a-dia, partindo de um estilo mais casual para um mais formal.

E se as tendências para as mulheres nesta Primavera – Verão são quase infinitas, as tendências masculinas não lhes ficam nada atrás.

O estilo navy ou náutico é a grande inspiração para esta estação, com a predominância do azul e das suas riscas azuis, vermelhas e brancas. Adoptando um estilo leve e descontraído, a nova colecção oferece-nos esta opção disponibilizando-a nas mais variadas peças.

Contudo, o estilo navy não é o único a servir de inspiração. Outros estilos como viajante, cowboy, rocker e chique descontraído podem ser encontrados nos catálogos e nas lojas. Ao nível de padrões, a escolha também é variada: lisos, xadrez, padrões geométricos, estampados (que passam por alguns ícones do universo pop como o famoso Rato Mickey) e as já mencionadas riscas.

O azul, o vermelho e o branco são as cores fortes da estação. Mas desengane-se se pensa que são as únicas. O verde, o laranja, o rosa claro e branco estão lá para dar luta. Também o cinza claro, o bege e os tons terra marcam a sua presença nesta Primavera – Verão.

Dois tecidos já intemporais destacam-se na nova estação: a ganga e o cabedal. Sobretudo a ganga, que é aplicada nos já tradicionais jeans (que se querem escuros), em calções, camisas e casacos. O cabedal vai dar forma sobretudo a casacos.

As peças leves e confortáveis não devem deixar de fazer parte do seu guarda-roupa: t-shirts estampadas, calças e calções (sobretudo no estilo slimmy), camisas e coletes. A ausência de mangas vai fazer-se sentir em algumas peças, esperemos que seja prenúncio de calor (e praia).

Por fim, e talvez uma das maiores surpresas da estação, os blasers. Vai poder combiná-los com os mais diversos estilos, dando um toque de “menino certinho e bem comportado” nos seus looks. Se é mais desportista, não se preocupe em ficar fora de moda. É que os casacos desportivos também são uma das peças da estação.

Se está à procura de uns calções de banho para aproveitar o Verão e a praia, procure aplicar as tendências do restante vestuário a estes.

Nesta estação os ténis e os sapatos náuticos ou de vela vão ser aqueles que vai querer ter a proteger os seus pés e a dar um acabamento cinco estrelas ao seu conjunto. E se é daqueles que gosta de deixar os seus pés apanhar um pouco de sol, já sabe que os chinelos do estilo havaianas são sempre uma boa opção.

Dizia outro tabu desfeito que os acessórios eram só para as mulheres. A verdade é que uma gama cada vez maior tem vindo a ser apresentada ao público masculino de forma a satisfazer a sua procura.

Nesta altura em que o sol começa a ficar cheio de força, para proteger os seus olhos do sol (e, sejamos francos, ficar cheio de estilo), óculos de sol em massa ou estilo aviador de lentes castanhas são a escolha a fazer.

Para dar o toque de mestre ao seu look, não se esqueça de acrescentar um relógio. São só vantagens: não se atrasa e ainda está in.

Pensando naqueles dias em que o sol pode não querer ser tão nosso amigo, pode sempre acrescentar um lenço. Opte por tecidos mais leves e ouse escolher por entre a grande variedade de cores e tamanhos que o mercado tem para lhe oferecer.

Com tão boas sugestões que a moda reservou para nós, ainda tem a certeza que não quer renovar o guarda-roupa e passar uma tarde no centro comercial?