silvia

Sílvia Alberto: ‘Preferia outra música’

O Festival RTP da Canção continua a dar que falar. Sílvia Alberto, a apresentadora do evento, é mais uma voz a juntar-se à contestação aos vencedores, admitindo, em entrevista ao site grego Oikotimes, que preferia outra canção a representar o nosso país na EurovisãoNuma entrevista rápida no final do certame, mas que só hoje foi publicada pelo Oikotimes, Sílvia Alberto admite ainda que o público presente no Teatro Camões “preferia ser representado por outra canção“, mas que esta é uma “reacção natural no Festival da Canção“, porque se tratam de claques “a apoiar a sua equipa“.

Sobre o acolhimento que a canção poderá vir a ter na Europa, a apresentadora explica que a música se refere a uma revolução portuguesa e desconhecida de grande parte do público europeu, mas que “eles são engraçados” e que foi o público, em casa, que os escolheu democraticamente, atribuindo grande parte do resultado ao reconhecimento de Jel junto do público português e afastando a questão política como motivo desta escolha e dizendo mesmo que “todos sabem que eles não fazem isto para lutar por um mundo melhor“.

A vitória dos Homens da Luta que acabou por surpreender a anfitriã do Festival, que se considera “conservadora” e acabou por referir ter outras canções que preferiria para representar Portugal, como as músicas de Nuno Norte, Rui Andrade e Wanda Stuart.

Quando questionada sobre a possibilidade de, um dia, o Festival Eurovisão da Canção ser realizado em Portugal, assume que seria “espectacular“, dando a produção do Festival da Canção 2010, no Campo Pequeno, como a prova de que o nosso país conseguiria produzir algo dessa envergadura, assumindo “questões monetárias” como a razão principal para a transferência para o Teatro Camões na edição de 2011. Para fundamentar esta opinião, refere ainda a tradição portuguesa na produção de eventos, como a Expo98 e o Euro2004. Se tal acontecesse, Sílvia Alberto gostaria de ter como companheiro na apresentação o seu parceiro nas duas primeiras edições do Ídolos, Pedro Granger.

Nas revelações da entrevista, a apresentadora admite estar a ponderar a possibilidade de ser comentadora na próxima edição do Festival, ocupando o lugar já preenchido por Eládio Clímaco, Isabel Angelino, Jorge Gabriel ou, mais recentemente, Hélder Reis.

Zeen is a next generation WordPress theme. It’s powerful, beautifully designed and comes with everything you need to engage your visitors and increase conversions.

Mais Artigos
Cristina Ferreira
Cristina Ferreira esclarece dúvidas sobre donativos por entregar