As histórias tristes dos Maria Amélia tiveram lugar, ontem, dia 1 de Março, mais uma vez, no Cinema São Jorge, em Lisboa.

“Esta é uma história triste”. Foi assim que, por volta das 22 horas, Nilton, apresentador do 5 para a Meia-Noite, e o seu contrabaixista, Martim, subiram ao palco e fizeram a sala do São Jorge encher-se de gargalhadas e de boa disposição. E consigo traziam a sua inigualável imagem de marca: óculos de sol e chapéus.

As honras de abertura do concerto, que durou cerca de uma hora e quinze minutos, foram para Vladimir não vás ao LIDL, tema que facilmente arrancou risadas à plateia. As vozes desafinadas juntaram-se aos acordes e ao bom humor dos artistas e, durante o espectáculo, toda a plateia fez questão de se fazer ouvir. Temas como Barbie, tu és badalhoca, Queres ser minha amiga no facebook, Irmã Lúcia, Because you to me, marcaram a noite no cinema São Jorge. 

A banda conta já com três anos de existência e é um projecto que tem cada vez mais pernas para andar. Segundo o que adiantou o apresentador à revista online Clique, na sua edição do dia de ontem, 1 de Março, o sucesso dos Maria Amélia deve-se, sobretudo, à parceria com o Martim, que foi quase ocasional: “há um ano e tal encontrei o Martim quando procurava um contrabaixista para o 5 para a Meia-Noite e ficou logo claro que ele também gostaria de embarcar nesta odisseia. E de facto, a dupla funcionou em perfeita sintonia.

Os Maria Amélia, nome inspirado numa senhora que um dia pediu ao Nilton para a filmar devido à perseguição que lhe era feita pelas torres do Instituto Superior Técnico, voltam ao cinema São Jorge, em Lisboa, na sexta-feira, dia 4 de Março.